08/10/2010

EMBRAER diz que ainda não se decidiu sobre futuro de fábrica na China


Sex, 08 de Outubro de 2010 09:58

Em resposta a notícias veiculadas durante esta semana por alguns veículos de imprensa brasileiros sobre o fechamento da fábrica da EMBRAER na cidade chinesa de Harbin, a fabricante brasileira se pronunciou em nota oficial informando que no momento não há uma decisão final sobre o futuro das instalações no país asiático.

No primeiro semestre deste ano a EMBRAER já havia informado sobre a necessidade de rever o foco do negócio, atualmente voltado à produção exclusiva de aviões da família ERJ 145.
A questão envolvendo a fábrica diz respeito ao desaquecimento da procura do mercado por novos aviões da referida família, o que faz com que a fabricação do último ERJ 145 da atual carteira de pedidos para a fábrica chinesa esteja programada para o segundo trimestre de 2011.
Com isso em vista a solução para a continuidade da fábrica estaria em passar a produzir no local os jatos da família E170/190.
A EMBRAER já teria inclusive enviado ao governo chinês a proposta de alteração na linha de produção, estando assim na dependência de uma posicionamento vindo de Pequim.

Veja a seguir a íntegra da nota oficial publicada pela EMBRAER:

São José dos Campos, 7 de outubro de 2010 – Com respeito ao noticiário veiculado na imprensa acerca do fechamento das operações industrias da Harbin Embraer Aircraft Industry (HEAI), a Embraer esclarece que não há, até este momento, uma decisão sobre o assunto, estando a Empresa em negociações com o governo da China e o parceiro chinês, com vistas à continuidade das operações.


Fonte: Portal CR

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário