04/12/2010

Infraero investe em melhorias para leitura do cartão de embarque

A Infraero passou a utilizar equipamentos para leitura de selos bidimensionais de embarque disponibilizados por algumas companhias aéreas em papel ou via check-in feito por celular. São 270 equipamentos, adquiridos por meio de contrato de locação, num investimento de R$ 780 mil. Os aparelhos estão à disposição em caráter experimental, nos principais aeroportos como Brasília, Santos Dumont e Congonhas e tem como objetivo exercer um maior controle do acesso às salas de embarque e agilizar a movimentação de passageiros nos terminais. O selo bidimensional possibilita coletar um maior número de informações sobre o perfil do passageiro. Além de dados como data do embarque, companhia aérea, número e tipo de voo já fornecidos pelo selo tradicional, o novo modelo informa qual o destino do passageiro, além de outros dados que vão auxiliar na elaboração de estatísticas operacionais. Vale destacar que o check-in por celular só pode ser realizado pelo passageiro que não possui bagagem a ser despachada. Os novos equipamentos também possuem uma capacidade maior de armazenagem, o que confere uma maior segurança aos dados coletados no embarque. Com essas informações, a Infraero também vai poder acompanhar melhor os passageiros em procedimento de conexão, uma vez que esse dado estará disponibilizado no selo de embarque bidimensional. 03/12/10

Fonte: Revista Flap

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário