16/11/2010

Boeing realizará translado de dois 787 para Seattle

Ter, 16 de Novembro de 2010

Enquanto continuam as investigações sobre as causas do incêndio elétrico ocorrido em um dos 787 utilizados no programa de testes (número de série ZA002) a Boeing fará o translado de dois Dreamliners de volta a Seattle, sendo eles os números de série ZA001 e ZA005.

Visando realizar os voos de translado a partir das cidades de Rapid City, na Dakota do Sul, onde está o ZA001, e Victorville, na Califórnia, onde está o ZA005, a Boeing já entrou em contato e obteve junto à FAA (Federal Aviation Administration) a aprovação necessária dos planos de voo uma vez que a frota encontra-se fora de voo desde o incidente.

A Boeng também divulgou novas informações sobre o problema que motivou a suspensão dos testes em voo, explicando que os dados coletados e analisados até o momento permitem dizer que a duração total do incidente com o ZA002 foi de menos de 90 segundos, com o incêndio durando por menos de 30 segundos.
A fabricante acrescentou que o ocorrido e a forma como o problema pode ser controlado mostrou que o avião poderia ter se mantido em voo pelo tempo necessário para chegar a um aeroporto que pudesse recebê-lo, considerando os perfis de missão típicos do 787.

Em suma, tivesse a mesma falha ocorrido em uma operação regular e não em um voo de teste o avião poderia continuar voando até pousar em segurança.
Apesar das descobertas iniciais a Boeing informou que a retomada dos voos de teste ainda depende da conclusão das investigções.
Até lá também não será possível comentar sobre os potenciais impactos da suspensão dos voos no cronograma do programa de testes e certificação, bem como nas datas previstas para o início das operações regulares com as companhias aéreas.

Fonte: Portal CR

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário