24/10/2010

Polônia estuda modernização de caças Sukhoi Su-22 e MiG-29

O Ministério da Defesa da Polônia está estudando a possibilidade de modernizar a sua frota de jatos de combate Sukhoi Su-22 Fitter e MiG-29.
A decisão mais eminente a ser tomada é em relação aos Su-22. Essas aeronaves, que foram adquiridas na década de 80, atingirão o fim das suas carreiras operacionais impreterivelmente em 2014. Apesar de não terem decidido se pretendem ou não continuar com os Fitter em serviço pelos próximos anos, a opção mais visada neste primeiro momento é a extensão da vida operacional da frota em 200 horas (ou dois anos), permitindo as autoridades ganharem tempo antes de uma decisão de modernização mais profunda e complexa, uma vez que hoje 32 exemplares estão voando na Polônia.
No caso dos MiG-29, os planos são de estender a vida operacional em 20 anos (ou 4 mil horas) para um esquadrão que hoje opera 16 aeronaves, possibilitando que os mesmos permaneçam em serviço pelo menos até 2029. No pacote de modernização os MiG-29 receberiam novo computador de missão, head-up display (mostrador digital ao nível dos olhos), radar mais avançado, sistema hands-on-throttle and stick (Hotas), nova suíte de guerra eletrônica, dois mostradores digitais multifuncionais de cristal líquido no painel de instrumentos e a instalação de um sistema de navegação inercial a laser e guiagem por GPS.

Os MiG-29 também poderão levar tanques de combustível sob as asas e empregar os mesmos armamentos ocidentais hoje utilizados nos F-16, caso o pacote de modernização seja aprovado.

Fonte: Revista Asas

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário